Revista Proteção Digital - ED337 - 01/2020

Mais informações

Por: R$ 15,50 Em 6x de: R$ 2,58 No boleto: R$ 14,73

Comprar
Opção de parcelamento via cartão de crédito
  • 1x de R$ 15,50 sem juros
  • 2x de R$ 7,75 sem juros
  • 3x de R$ 5,17 sem juros
  • 4x de R$ 3,88 sem juros
  • 5x de R$ 3,10 sem juros
  • 6x de R$ 2,58 sem juros
Avalie:

VEJA NESTA EDIÇÃO:

 

Ano de muito trabalho

O ano de 2019 foi conturbado e marcado por muitas mudanças também para a área de Saúde e Se-gurança do Trabalho. A extinção do Ministério do Trabalho; os cortes na Fundacentro com o fecha-mento de unidades e a redução de pessoal; o anúncio de que as NRs seriam inicialmente extintas e depois revisadas, simplificadas e desburocratizadas sacudiram o cenário prevencionista. Isto sem falar do risco de se terminar com o eSocial e, mais recentemente, a Medida Provisória 905 que alterou diversos pontos da legislação trabalhista e previdenciária como a permissão para que os EPIs sejam comercializados sem CA (Certificado de Aprovação) e o processo de fiscalização do trabalho que teve alterações significativas.
Estes dois últimos itens têm mobilizado entidades que representam o setor de EPIs - que temem pelas consequências que o fim do CA possa gerar - e também a categoria dos auditores fiscais do trabalho - que entendem as novas diretrizes como prejudiciais aos trabalhadores e à prevenção em geral. Leia mais em Setor mobilizado, páginas 22 a 26.
A revisão das NRs segue em ritmo acelerado mas, o Governo teve de pisar no freio deixando para resolver a maioria delas neste ano. O novo prazo estipulado para que todas tenham sido revisadas é dezembro de 2020. O calendário de deliberações sobre as revisões das NRs estava, até o fechamento desta edição, sujeito a alterações. Confira em CTPP se organiza para 2020, página 28.

 

REPORTAGEM DE CAPA / SST EM ÁREAS CLASSIFICADAS

TRABALHO EM ÁREAS CLASSIFICADAS PODE CONTER ATMOSFERAS EXPLOSIVAS E PROVOCAR GRANDES ACIDENTES NA EMPRESA E NO AMBIENTE DO ENTORNO
Refinarias de petróleo, plataformas off-shore, indústrias químicas, silos e armazéns de grãos estão entre os ambientes que apresentam as chamadas áreas classificadas. Estes locais são aqueles em que uma atmosfera explosiva está presente, seja pela presença de gás inflamável ou de poeira combustí-vel. As atividades e os equipamentos aí utilizados precisam ser à prova de explosões a fim de evitar acidentes que quando acontecem podem ser de grandes proporções.
A prevenção de acidentes deste tipo vai além da simples aquisição e utilização de equipamentos “Ex”. Uma boa seleção, instalação, inspeção e manutenção devem ser realizadas por profissionais e empre-sas prestadoras de serviços com competência para o gerenciamento deste tipo de risco.

 

ENTREVISTA
MÉDICA QUER VALORIZAR MAIS A CATEGORIA
A médica Rosylane Nascimento das Mercês Rocha, eleita para a presidência da Anamt (Associação Nacional de Medicina do Trabalho) para o triênio 2019/2022 traz em sua proposta a intenção de fortalecimento das federadas, valorização do médico do Trabalho, alinhamento de ações diante de temas polêmicos, mudanças na prova de título de especialista entre outros projetos.

ARTIGOS
EVOLUÇÃO POSITIVA
Adequações às novas NBRs ISO 13849, partes 1 e 2 devem ser observadas.

 

BUSCANDO EXCELÊNCIA
Hoje não se admite mais desvios ou falhas em SST nas paradas de manutenção.

 

PRÊMIO PROTEÇÃO PESQUISA 2019
A premiação lançada em 2019 em paralelo ao Prêmio Proteção Brasil incentiva e premia a contribuição de estudantes em nível médio e acadêmico pela realização de projetos que proporcionam melhorias no meio ambiente de trabalho das empresas, especialmente nas menores.

Edição:
337
Marca:
Proteção
Número de páginas:
100